Notícias

CGEE divulga resultados de estudos no Comitê Temático de Fomento à Inovação da Anpei

O Centro participou da reunião, onde foi discutida a possibilidade de uma parceria entre as instituições com vistas à promover uma maior adesão das empresas associadas à Anpei aos projetos do Centro na área de inovação.

Enap promove Semana da Inclusão de Pessoas com Deficiência

O evento ocorre do dia 12 a 15 de setembro e traz diversas atividades abertas ao público, relacionadas à temática.

CGEE participa da Semana Nacional de Ciência e Tecnologia 2017

Neste ano, o tema do evento, que ocorre entre 23 a 29 de outubro, é “A Matemática está em tudo”.

CGEE recebe representantes de CSA para projeto Cidades Sustentáveis

O objetivo é conhecer mais sobre as iniciativas sendo desenvolvidas no entorno do DF para a produção de alimentos orgânicos e recuperação de serviços ecossistêmicos.

CGEE, MCTIC, GDF e PNUMA se reúnem para discutir plano de trabalho de projeto para cidades sustentáveis

As instituições vão desenvolver o projeto “Promoção de cidades sustentáveis no Brasil por meio do planejamento urbano integrado e investimento em tecnologias inovadoras”.

Conselho de Administração do CGEE conta com novo presidente

No encontro, foi analisado o Plano de Trabalho 2018-2022 do CGEE e aprovada a proposta da versão preliminar do 13º termo aditivo ao Contrato de Gestão do Centro com o MCTIC.

MCTIC lança consulta pública da Estratégia para Transformação Digital

A iniciativa foi elaborada pelo ministério, em parceria com o Centro de Gestão e Estudos Estratégicos, que é, também, responsável pela execução da consulta eletrônica.

CGEE apresenta resultados de estudo inédito sobre o setor de energia elétrica

A iniciativa, realizada ao longo de dois anos, mapeou mais de 140 mil especialistas, envolveu 80 instituições de todo o Brasil e apontou 2,7 mil linhas de P&D para o setor.

CGEE participa das atividades da SBPC em Belo Horizonte

O CGEE apresentou os resultados da avaliação do Pibic e, também, lançou livro sobre percepção pública em CT&I na reunião anual da SBPC. A ferramenta Insight Net foi o destaque no stand do Centro.

CGEE debate com jovens cientistas a importância da iniciação científica

O presidente do Centro, Mariano Laplane, apresentou, durante a Expotec da SBPC, os resultados da avaliação que o Centro realizou sobre o Programa Institucional de Bolsas de Iniciação Científica do CNPq.

Conteúdos mais visualizados Conteúdos mais visualizados

Voltar

Marco Regulatório de Ciência e Tecnologia é aprovado no Senado

SEMINÁRIO

Marco Regulatório de Ciência e Tecnologia é aprovado no Senado

A Comissão de Ciência, Tecnologia, Inovação, Comunicação e Informática (CCT) e a Comissão de Assuntos Econômicos (CAE) do Senado Federal aprovaram, nesta semana, o Projeto de Lei Complementar (PLC) 77/2015 em sessão conjunta. A proposta segue agora em regime de urgência para votação no Plenário e propõe ações de incentivo ao desenvolvimento científico e tecnológico no Brasil, assim como à pesquisa e inovação.

O presidente da CCT e relator do projeto na CAE, Cristovam Buarque (PDT/DF), participou de um debate no Centro de Gestão e Estudos Estratégicos (CGEE) para uma rodada de perguntas e respostas sobre a sua proposta para a construção de um Sistema Nacional de Conhecimento e Inovação. Desde 2012, o texto vem sendo debatido.

O encontro contou com a participação de colaboradores do CGEE e convidados. Na ocasião, o senador trouxe uma questão pertinente para a CT&I no Brasil: com a implementação do marco regulatório, o que é preciso mudar no País para alavancar a economia com uma indústria que se baseie no conhecimento? De acordo com ele, o desenvolvimento deve contar com uma economia baseada em alta tecnologia, conhecimento e ausência de violência.

O senador falou, ainda, sobre a Lei de Inovação (Lei nº 10.973/2004), que trata da capacitação e alcance da autonomia tecnológica e desenvolvimento industrial do País. "Temos que levar os jovens para dentro de empresas e entidades ligadas à inovação. A universidade deve ser ligada com a realidade na teoria e na prática", afirmou.

Ao ser questionado pelo assessor do Centro, Antonio Geraldo, sobre o que pode ser feito para melhorar a articulação entre ministérios, secretarias e instituições de C&T, Buarque disse que precisamos de estratégias para que o Brasil dê esse salto. Sugeriu ainda que o Centro, como instituição da área, pense em táticas para melhorar o contato entre esses órgãos.