Notícias

Projeto Energy Big Push debate impactos da pandemia nos investimentos em inovação na área de energia

O encontro virtual contou com a participação de 32 representantes de 7 instituições do setor, que relataram as suas experiências na condução da crise.

Iclei Europa é novo parceiro do Observatório de Inovação para Cidades Sustentáveis

Iniciativas trabalham em conjunto no tema de Soluções Baseadas na Natureza. Observatório é desenvolvido pelo CGEE, por meio do projeto CITinova.

Equipe do CGEE se reúne virtualmente para o “Bate-papo da Casa”

O encontro ocorre periodicamente na sede do Centro para promover a confraternização dos colaboradores

Colaboradoras do CGEE são homenageadas no Dia das Mães

Em ação de responsabilidade social, as mães receberam os cumprimentos do Centro em suas casas.

Estudo identifica sete mil contribuições das ciências humanas e sociais na área da saúde e no combate ao coronavírus

Dados são de publicação sobre o tema que será lançada pelo Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC), em parceria com o CGEE.

Colaboradores do CGEE compartilham experiências da nova dinâmica de trabalho

Em home office, a equipe encontrou vantagens não apenas para o desenvolvimento dos projetos, mas também para aprendizados pessoais.

Acordo dissemina uso da Inteligência Artificial na área da saúde

O protocolo foi assinado entre o Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Telecomunicações (MCTIC), Hospital das Forças Armadas (HFA), o Ministério da Defesa, o Instituto Laura Fressatto e a Rede Nacional de Ensino e Pesquisa (RNP), que é uma organização vinculada ao MCTIC.

Rede Brasil do Pacto Global realiza webinar sobre ODS no Setor Elétrico Brasileiro na sede do CGEE

No evento, denominado SEBLab, a Comissão Econômica das Nações Unidas para a América Latina e o Caribe (Cepal) e o Centro apresentarão o projeto Energy Big Push.

Iclei e CGEE assinam parceria

Solenidade ocorreu nessa quarta-feira (11), em Brasília (DF). O documento contempla o Programa Urban By Nature e o Observatório de Inovações para Cidades Sustentáveis.

Conteúdos mais visualizados Conteúdos mais visualizados

Voltar

Marco Regulatório de Ciência e Tecnologia é aprovado no Senado

SEMINÁRIO

Marco Regulatório de Ciência e Tecnologia é aprovado no Senado

A Comissão de Ciência, Tecnologia, Inovação, Comunicação e Informática (CCT) e a Comissão de Assuntos Econômicos (CAE) do Senado Federal aprovaram, nesta semana, o Projeto de Lei Complementar (PLC) 77/2015 em sessão conjunta. A proposta segue agora em regime de urgência para votação no Plenário e propõe ações de incentivo ao desenvolvimento científico e tecnológico no Brasil, assim como à pesquisa e inovação.

O presidente da CCT e relator do projeto na CAE, Cristovam Buarque (PDT/DF), participou de um debate no Centro de Gestão e Estudos Estratégicos (CGEE) para uma rodada de perguntas e respostas sobre a sua proposta para a construção de um Sistema Nacional de Conhecimento e Inovação. Desde 2012, o texto vem sendo debatido.

O encontro contou com a participação de colaboradores do CGEE e convidados. Na ocasião, o senador trouxe uma questão pertinente para a CT&I no Brasil: com a implementação do marco regulatório, o que é preciso mudar no País para alavancar a economia com uma indústria que se baseie no conhecimento? De acordo com ele, o desenvolvimento deve contar com uma economia baseada em alta tecnologia, conhecimento e ausência de violência.

O senador falou, ainda, sobre a Lei de Inovação (Lei nº 10.973/2004), que trata da capacitação e alcance da autonomia tecnológica e desenvolvimento industrial do País. "Temos que levar os jovens para dentro de empresas e entidades ligadas à inovação. A universidade deve ser ligada com a realidade na teoria e na prática", afirmou.

Ao ser questionado pelo assessor do Centro, Antonio Geraldo, sobre o que pode ser feito para melhorar a articulação entre ministérios, secretarias e instituições de C&T, Buarque disse que precisamos de estratégias para que o Brasil dê esse salto. Sugeriu ainda que o Centro, como instituição da área, pense em táticas para melhorar o contato entre esses órgãos.